7 formas para proteger você e seu bebê

por Equipe Danone Nutricia 26 de março de 2020 5 minutes

Veja as recomendações da organização mundial da saúde para proteger o bebê durante a pandemia de coronavírus

Este é um momento muito estressante para pais de crianças pequenas, gestantes e futuros papais. Por isso, Aptaclub está compartilhando as recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS) sobre como você pode proteger a si mesmo e seu pequeno, já que os pais são a fonte de contato primário entre o bebê e o mundo exterior. Ao seguir os métodos e regras simples da OMS, você pode ajudá-la a limitar os riscos de espalhar o coronavírus. 

1. lave as mãos regularmente

O coronavírus é transmitido por contato humano. Portanto, o simples ato de lavar as mãos é a melhor forma de se proteger. Lave-as antes de tocar o seu filho e insista para que as outras pessoas façam o mesmo.

Infelizmente, nossos bebês não conseguem lavar as próprias mãos. Bom, não ainda. Então transforme parte das refeições e brincadeiras em momentos onde vocês dois podem lavar as mãos juntos usando álcool gel 70% ou água e sabão.

Por quê? Isso irá matar qualquer vírus que possa estar nas suas mãos evitar que infecte você ou seu filho.

Veja aqui as diretrizes da OMS para a lavagem de mãos.

2. limite os seus encontros

Nossos bebês são lindos e costumam chamar a atenção das pessoas. Portanto, é sua responsabilidade como pai ou mãe minimizar interações entre o pequeno e outros indivíduos. Basicamente, impeça que pessoas o abracem ou peguem no colo. Isso pode parecer duro no começo, mas ajuda a conter a propagação do vírus.

Além de evitar contato próximo, mantenha uma distância segura de pelo menos um metro entre você e qualquer pessoa que esteja doente, tossindo e espirrando.

Por quê? Quando alguém tosse ou espirra, expele pequenas gotas do nariz ou da boca que podem possuir o vírus. Se você ou o seu filho estiverem próximos, podem respirar as gotículas, incluindo o vírus COVID-19.

3. evite tocar os olhos, mãos e boca

Nós tendemos a tocar muitos superfícies ao longo do dia. Também gostamos de tocar nossos bebês que, por sua vez, gostam de tocar seus próprios rostinhos. Portanto, assegure-se de que qualquer pessoa que esteja prestes a lidar com o seu filho tenha lavado bem as mãos.

Por que? Essas superfícies podem estar contaminadas com o Coronavírus e, uma vez que o vírus chegou às mãos, pode ser facilmente transferido para o corpo por meio da boca, nariz ou olhos quando tocamos nosso rosto.

Não podemos parar de tocar superfícies diferentes ou frear a curiosidade do nosso bebê. Mas podemos interromper a passagem do vírus para o corpo sem tocar no rosto da criança ou no nosso.

4. pratique as regras de etiqueta respiratória

Certifique-se de que você e as pessoas em torno do bebê tenham boas práticas respiratórias. Isso significa cobrir a boca e o nariz com o cotovelo ou ou lenço, de preferência descartável,  ao tossir ou espirar. 

Por quê? Gotas espalham o vírus. Ao seguir uma boa higiene respiratória, você protege o seu bebê e as pessoas ao seu redor de viroses como resfriados, gripes e o COVID-19.

5. sentindo-se doente? procure um médico rapidamente

É simples:  Se apresentar sinais de febre,  tosse e dificuldade para respirar, procure atendimento médico. Para mais informações, siga as instruções da sua autoridade local de saúde.

Por quê? Autoridades nacionais e locais terão as informações mais atualizadas sobre a situação na sua região. Ligar com antecedência irá permitir que o seu médico o direcione rapidamente para o centro de saúde correto. Isso também irá protegê-lo e ajudar a evitar a propagação do vírus e outras infecções.

6. siga uma preparação segura e higiência dos alimentos

Lave as mãos antes de preparar a sua refeição e ao manipular alimentos crus e cozidos. 

Os alimentos crus devem ser bem lavados em água corrente e  deixados em solução clorada ou água sanitária conforme diluição do produto.  

Use tábuas separadas para cortar alimentos crus e cozidos. Atente-se para que as carnes estejam bem cozidas e prepare os alimentos com boas práticas de higiene.

Por quê? Porque como pais, cozinhamos para nós mesmos, nossa família e nosso bebê e o coronavírus pode se disseminar nesse momento. Portanto, é ainda mais importante para a pessoa que está preparando a comida seguir as boa praticas de higiene enquanto cozinha.

7. mantenha-se informado e siga os conselhos

Como seu filho não pode ler as notícias, é muito importante que você esteja ciente das informações mais recentes sobre o surto de COVID-19 em seu país, disponíveis no site do Ministério da Saúde. Para obter orientação global, consulte o site da Organização Mundial da Saúde. Procure aconselhamento de fontes oficiais e confiáveis para você e seu bebê e entre em contato com seu profissional de saúde assim que surgir alguma preocupação.

LEIA MAIS