O papel da proteína na recuperação muscular

por Equipe Danone Nutricia 6 de janeiro de 2021 5 minutes

A proteína deve ser reposta por meio da alimentação para permitir que a movimentação do corpo ocorra sem problemas

A proteína tem papel fundamental na constituição de cada tecido, célula e órgão do corpo, inclusive os músculos. Por isso, o seu consumo deve ser adotado junto da prática esportiva não só para a construção muscular, mas também para a sua recuperação.

A recuperação muscular repõe o estoque de energia que o músculo utilizou durante a prática de exercícios ou para os movimentos do dia a dia, além de restaurar as lesões provocadas pela atividade física. Ela é fundamental para todas as pessoas, pois o nosso corpo está em constante movimento, mesmo quando estamos dormimos.

A recuperação muscular aprimorar a resistência e força dos músculos, importante para cumprir as funções diárias, como caminhar, limpar a casa e assim por diante.

como ocorre a recuperação muscular

A principal função do músculo é de contração, fundamental para a realização dos movimentos. Para isso, ocorre o encurtamento de componentes musculares chamados sarcômeros, um processo que depende de dois aminoácidos, componentes das proteínas: actina e miosina.

Os filamentos de actina deslizam sobre os de miosina, graças a pontos de união que se formam entre esses dois filamentos, formando a actomiosina. Assim, a célula muscular diminui seu tamanho longitudinal e a contração ocorre, resultando no movimento do corpo.

Mas esse processo não é o único que ocorre durante a contração muscular. Atividades físicas ou anaeróbicas, como praticar musculação na academia ou correr, causam ao corpo um estresse físico, pois as células musculares trabalham além do seu limite. Assim, ocorre uma hipertrofia muscular, que requer a reposição de proteínas para que actina e miosina continuem fazendo seu processo normal e permitam o movimento adequado do corpo.

Lembra que falamos que a contração ocorre quando duas proteínas rolam uma sobre a outra? Assim, a hipertrofia muscular requer o consumo de proteínas.

o papel da proteína na recuperação muscular

Para repor a proteína gasta na movimentação do corpo e prática de exercícios, é preciso consumi-las por meio da alimentação. No momento da digestão, o corpo quebra as proteínas e as transforma em moléculas menores: os aminoácidos, como a actina e a miosina.

O corpo precisa de actina e miosina tanto para construir os músculos, quanto para recuperá-los. Grande parte da recuperação muscular ocorre no período do sono, mas ela só de fato acontece se houver proteína suficiente no corpo.

Para a maioria das pessoas, esse nível de ingestão de proteínas pode ser obtido por meio de uma dieta regular e variada. No entanto, para algumas pessoas, pode ser necessário consumir um suplemento de proteínas para auxiliar a construção e recuperação muscular, principalmente atletas, pessoas que praticam exercícios com frequência e idosos ou pessoas com dificuldades nutricionais.

O diferencial dos suplementos costuma ser a qualidade e a melhor combinação da proteína que está sendo utilizada. Há produtos que contam com proteínas isoladas, que são rapidamente digeridas e aumentam os níveis de aminoácidos na corrente sanguínea. Isso resulta em uma rápida absorção de nutrientes para estimular a reconstrução dos músculos.

Os suplementos com Whey Protein, por exemplo, são feitos a partir da proteína extraída do soro do leite, composta principalmente por alfa-globulina e beta-globulina. Eles possuem aminoácidos essenciais que são rapidamente absorvidos pelo corpo e, portanto, participam de forma ativa na construção de músculos e tecidos.

O uso de suplementos deve ser recomendado pelo nutricionista e aliado a uma dieta rica em proteínas de origem vegetal, como vegetais, grãos e oleaginosas, e animal, como carne de boi, frango, peixe, leite, ovos e queijos.

 

Referências:

Kreider RB, Campbell B. Protein for exercise and recovery. Phys Sportsmed. 2009 Jun;37(2):13-21. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/20048505/

Mamerow, Madonna M., et al. "Dietary protein distribution positively influences 24-h muscle protein synthesis in healthy adults." The Journal of nutrition 144.6 (2014): 876-880. Disponível em: https://academic.oup.com/jn/issue/144/6

American Heart Association. Food as Fuel Before, During and After Workouts.

LEIA MAIS