Tártaro e placa bacteriana: entenda as diferenças

por Equipe Danone Nutricia 05 de fevereiro de 2021 5 minutes

A boa higiene bucal é importante para evitar inflamação das gengivas, cáries, perdas dentárias e até mesmo outras condições de saúde

Tártaros e placas bacterianas são problemas comuns de saúde dental, especialmente quando a higiene não é feita como deveria. Quando não tratados, podem inflamar as gengivas e se tornarem mais sério, ocasionando até mesmo a perda dos dentes.

placa bacteriana ou tártaro?

A placa bacteriana, também conhecida como placa dental, ocorre pela acumulação de bactérias sobre a superfície dentária. Ela se instala principalmente nas regiões de difícil limpeza, como entre a gengiva e os dentes ou na superfície dos dentes de trás.

A placa é uma película pegajosa e incolor. Quando ingerimos alimentos ou bebidas açucaradas, o açúcar pode se combinar com as bactérias e liberar ácidos, que deterioram os dentes e podem causar cáries. Por isso, é importante evitar o consumo excessivo desses produtos e sempre escovar os dentes após as refeições.

Além disso, as bactérias presentes na placa podem provocar a gengivite, inflamação da gengiva, ou se acumular e endurecer, transformando-se em tártaro.

O tártaro é uma espécie de crosta que pode manchar e levar à descoloração dos dentes. Apenas o dentista pode removê-lo, mas é possível preveni-lo pela boa higiene bucal.

como cuidar do sorriso

A boa higiene dental diminui as chances de apresentar problemas bucais e dentais e tem relação íntima com a saúde geral, pois a boca interage com o corpo todo. Más condições de higiene podem, inclusive, contribuir para enfermidades como diabetes e doenças cardiovasculares.

Veja, abaixo, algumas dicas para cuidar da saúde dental e evitar placas bacterianas, tártaros e outros problemas:

  • Escove os dentes após cada refeição, utilizando uma escova de tamanho adequado, com cerdas macias e creme dental com flúor. Também escove os dentes antes de dormir.

  • O fio dental deve ser usado diariamente, ao menos uma vez por dia. Remova cuidadosamente os resíduos de alimentos depositados entre os dentes.

  • Evite o consumo excessivo de carboidratos refinados, como bolos, biscoitos, chocolate, pães e massas feitos com farinha branca e doces em geral.

  • Beber água é importante para estimular a salivação, que protege o esmalte dos dentes e ajuda a manter a boca higienizada.

  • Visitas ao dentista devem ser feitas a cada seis meses para avaliar a saúde bucal e fazer uma limpeza, que remove as placas dentárias e contribui para a prevenção de doenças nos dentes e gengiva.

A saúde dos dentes deve ser uma preocupação primária.  Cuide bem dos seus dentes para a melhor saúde e um sorriso mais bonito.

 

Referências: 

Ministério da Saúde. Saúde bucal: cuidado com os dentes é fundamental. 

Web Medical Team. Dental Care for Seniors.

Instituto Cemig Saúde. 5 maneiras de cuidar da saúde bucal do idoso.

Isadora da Silva Feijó, Kesley Merry Katherine Iwasaki. Cárie e dieta alimentar. Revista Uingá Review. Vol.19,n.3,pp.44-50 (Jul - Set 2014).

LEIA MAIS