Primeiros Meses

      Brinquedos para bebês: como escolher e quais os cuidados

      por Equipe Danone Baby 21 de Julho de 2017 5 minutos

      Brinquedos estimulam a fantasia e a criatividade: invista em materiais diferentes, como algodão, lã, madeira, cartolina, pano e plástico

      Brinquedos para bebês são muitos importantes para o seu desenvolvimento, mas também podem significar perigo, caso não sejam seguros e adequados à faixa etária. Escolher os itens é fundamental para evitar acidentes e permitir que a criança se desenvolva sem riscos.

      Ao brincar, as crianças se desenvolvem de forma integrada nos aspectos cognitivo, afetivo, físico-motor, moral, linguístico e social. Brincando, elas interagem com o mundo e ficam mais ativas.

      Desde o nascimento até os três anos de idade, sempre precisam de um adulto por perto. O espaço no qual se movimentam deve ser seguro e supervisionado, assim como os brinquedos. No Brasil, o Instituto Nacional de Metrologia (Inmetro) faz uma série de testes para garantir a qualidade e segurança dos brinquedos.

      Além de escolher brinquedos que não apresentam perigos, é importante assegurar-se de que as crianças saibam usá-los e brinquem em locais seguros. A melhor maneira de fazer isso é participar das brincadeiras, sempre que possível. Aproveite esse momento para interagir e ensiná-las a dividir e respeitar regras.

      Além de impulsionar o desenvolvimento, os brinquedos estimulam a fantasia e a criatividade. Portanto, também invista em materiais diferentes, como algodão, lã, madeira, cartolina, pano e plásticos. Ah, e não se esqueça de oferecer brinquedos variados, como bonecas de pano, quebra-cabeça, bolas e assim por diante.

      aplv-1-1-807x350.jpg

      Como escolher e cuidar dos brinquedos para bebês

      - Escolha brinquedos apropriados para a idade. Um brinquedo que serve para uma criança de mais de oito anos pode ser perigoso para um bebê de dois. Até três anos, eles têm a tendência de colocar pequenas peças na boca e são mais propensos a engolir ou sofrer engasgos. Evite brinquedos com peças pequenas ou que tenham partes que possam ser descartadas.

      - Os materiais utilizados na fabricação do brinquedo devem ser resistentes, não tóxicos e não inflamáveis.

      - Evite brinquedos com pontas ou bordas afiadas.

      - Não compre brinquedos muito barulhentos e que possam prejudicar a audição da criança, com ruídos acima de 100 decibéis.

      - Brinquedos com correntes, tiras e cordas com mais de 15 cm são perigosos, pois crianças pequenas podem se enroscar neles

      - Evite brinquedos com vidros para crianças menores de cinco anos.

      - Brinquedos elétricos podem causar queimaduras, como os que contêm pilhas e baterias. Verifique se os compartimentos em que esses dispositivos ficam têm travas seguras

      - Compre brinquedos que tenham o selo do Inmetro.

      - Os brinquedos devem ter informações claras de uso e montagem, se necessário. Sempre siga as instruções.

      - Brinquedos comercializados por vendedores ambulantes nem sempre estão de acordo com as regras estabelecidas pelo Inmetro. Avalie a qualidade do brinquedo antes de comprar e dar para a criança brincar.

      - Teste e inspecione brinquedos novos e velhos para garantir que não há nenhum risco, como uma ponta afiada descoberta ou um pedaço lascado que possa machucar.

      - Ensine as crianças a guardar os brinquedos após as brincadeiras para evitar acidentes.


      REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

      Sociedade Brasileira de Pediatria (“Filhos: da gravidez aos 2 anos de idade”)
      Sociedade Brasileira de Pediatria (“Os perigos dos brinquedos”)
      Fundação Maria Cecilia Souto Vidigal (“Nota 10 - Primeira Infância”)

      Leia mais

      Perguntas sobre nossos produtos?

      Caso tenha alguma dúvida sobre a Danone Nutricia ou nossos produtos, entre em contato com nossa central de atendimento!